| | |

Presidente da Activision: A Sony não atende nossas ligações… e os organizadores não têm experiência!

Publicidade

Publicidade

Os eventos aumentaram recentemente entre a Sony e a Microsoft devido à tentativa desta última de adquirir a Activision. Mas parece que a gigante japonesa começou a ter uma postura dura em relação à empresa que será adquirida, que é a Activision.

Soubemos anteriormente que a Microsoft esperava que a Autoridade de Concorrência e Antitruste do Reino Unido se opusesse ao acordo. Depois que a União Européia emitiu seu relatório alertando sobre a conclusão deste acordo esta semana, o aviso é direcionado diretamente ao acordo com a Activision Blizzard. Onde se tornou natural azedar o clima entre as gigantes dos videogames Sony e Microsoft.

A disputa aumentou entre as duas partes, e hoje o presidente da Activision, Bobby Kotick, revelou que a gigante japonesa não está respondendo às suas ligações e rejeita qualquer discussão sobre o futuro de Call of Duty e novas oportunidades de cooperação.

Publicidade

Bobby deu uma entrevista ao Canal Raposa inglês para falar sobre o andamento do negócio e seus efeitos no setor. Ele elogiou o bom relacionamento da Sony com a Activision, mas ficou surpreso com a reação desta última. Aqui estão as declarações mais proeminentes que ele fez ao canal:

Uma das coisas que nos surpreendeu é que este é o momento em que costumamos falar juntos sobre o futuro e novas oportunidades de parceria, e infelizmente eles não atendem nossas ligações (ou seja, Sony).

Os organizadores não têm experiência na indústria de videogames, então não sei se somos realmente tão valiosos quanto são retratados pelos reguladores.

Como lembrete, muitas estatísticas indicam que um grande número de jogadores de Call of Duty vai comprar o PlayStation 5 para ele. Como a comunidade de jogadores não está apenas procurando conteúdo exclusivo, mas também o melhor hardware para jogar seus jogos favoritos. Mesmo as contas não oficiais mais famosas que cobrem as notícias do jogo mostram que a maioria dos jogadores de Call of Duty prefere o PS5 para jogar.

Você acha que esta nova política da Sony é um primeiro passo para boicotar a Activision? E quais são suas expectativas para o futuro do negócio, você acha que a Sony vai conseguir obstruir isso?

Publicidade

Similar Posts